Em primeiro lugar vale lembrar que o algodão é cultivado em diferentes partes do mundo usado para fins têxteis há mais de 5.000 anos a evidências que não vale do rio Indo atual fronteira entre Índia e Paquistão já era utilizado o algodão para esses fins em 2500 a.C.

Inclusive no Brasil o algodão representa em torno de 55% das matérias-primas da indústria texto este material tem diversas qualidades como versatilidade respirabilidade capacidade de absorção alta durabilidade e suavidade no toque.

Além disso, com todas essas qualidades ele ainda pode ser classificado de diversas formas como liso ou texturizado Grosso ou fino e sedoso ou áspero isso dependendo da qualidade do fio e do seu tipo.

Por outro lado apenas 3% da produção mundial tem fibras longas e extra longas e são muito utilizadas em roupas de bebês.

Maiores países produtores de algodão do mundo

  • 10. Turcomenistão
  • 9. Argentina
  • 8. Turquia
  • 7. Austrália
  • 6. Uzbequistão
  • 5. Brasil
  • 4. Paquistão
  • 3. Estados Unidos
  • 2. Índia
  • 1. China

– Visto que assim está distribuído o mercado afinal quantos tipos temos e quais as suas diferenças?

Algodão Egípcio

Algodão egípcio é muito conhecido no ramo de cama mesa e banho e roupas íntimas, possui fibras longas de aparência branca.
Você sabia que apenas 40% do algodão egípcio vem do Egito o restante é produzido por outros países.

Conhecido também pela suas quantidades de fios por exemplo 110 fios 200 fios 600 fios isso representa a quantidade de fios por seções transversais do tecido quanto maior for este número mais suavidade e durabilidade ele terá.

Normalmente é colhido a mão pois gera menos stress nas fibras.

A maior qualidade além das suas suavidade durabilidade ele tem uma excepcional taxa de absorção de líquidos.

Algumas empresas do ramo da confecção podem usar este tipo de tecido para fazer camisetas 100% algodão egípcio, porém o seu custo é muito mais elevado do que os outros tipos que iremos ver agora.

Algodão Pima

O algodão peruano é cultivado a 981 km ao norte da capital peruana uma região que se destaca na produção, a Piura. 

O nome Algodão Pima foi uma homenagem aos índios Pima que cultivavam nos campos Arizona. 

Região com uma unidade composta por duas correntes oceânicas uma quente uma fria que traz o clima com temperaturas estáveis, portanto se torna torna ideal para o cultivo.

“O melhor algodão do mundo”, ele leva esse crédito pela qualidade de sua fibra é a mais fina e a mais longa que existe no mundo.

Localização da Piura no Peru

Seu fio tem menos emenda no processo de fiação com isso se torna também um dos mais fortes em relação aos outros algodões.

Os valores podem chegar em 45% mais fino e pode chegar a 50% mais resistente em relação ao algodão convencional.

Acima de tudo como características tem as suas fibras Extra longas de coloração creme.

Produzidos atualmente no Peru onde é premiado por sua maciez e nos Estados Unidos o qual tem uma classificação específica para ele. 

Pode ser usado para confeccionar desde uma camiseta de algodão até roupas de cama pois não forma bolinhas

Algodão Acala

Encontrado nos Estados Unidos e no Peru e também é encontrado nas regiões do Mato Grosso da Bahia do nosso Brasil.

Possui fibras médias e longas.

Muito utilizados em camisarias e Malharia fina.

Característica peculiar deste algodão é que acima de tudo ele tem as fibras mais curtas do que as opções anteriores.

Presente em mais presente em mais de 60 países.

No Brasil ele ocupa 95% das terras do Cerrado.

Versátil, podendo ser usadas em cama mesa banho de malharias que produzem camisetas de algodão.

Em suma o preço de suas fibras é bem inferior a das outras por serem mais curtas.

Algodoeiro e o Brasil

O Brasil é hoje o quinto maior produtor e o quarto maior exportador ( milhão de milhão de milhão de toneladas milhão de toneladas ano) de plumas de algodoeiro se ele exporta inclusive para Ásia.

Quando falamos de exportação o Brasil certamente exporta 50% da sua produção Nacional para países como Indonésia Coreia do Sul e Vietnã.

Além de ser um grande exportador de plumas o Brasil consequentemente também importa fibras longas para misturar com fibras médias principalmente do Egito com isso tem uma melhor qualidade no seu fio.

Por outro lado 78% dos algodões brasileiro em 2016 era transgênico segundo a ISAAA.

Em virtude de nosso avanço na área no Brasil já existe algodão colorido com o uso da tecnologia e da genética uma grande vantagem para este é que ele não desbota e não precisa de corantes que representa uma economia de até 150 litros por quilo da fibra.

Assim sendo agora que você sabe tudo sobre essa base da indústria têxtil você deve estar se perguntando e o algodão cardado e o algodão penteado o que são?Isso é uma história.

Fonte:https://abapa.com.br/mais-noticias/conheca-os-principais-tipos-de-algodao-do-mundo/

Fonte: https://top10mais.org/top-10-maiores-paises-produtores-de-algodao-do-mundo/

Deixe uma resposta